Reflexão sobre a “Maldição do Poderoso Godinho – MPG.”

Nesse fim de semana estava conversando com alguns amigos de Boituva sobre como estão ocorrendo muitos acidentes e locuras por parte dos atletas brasileiros, e fiquei sabendo da existencia de um texto do Márcio Rossi de 2004 publicado no site PQDBrasil [1] chamado a “maldição do poderoso godinho” [2] o texto apesar de escrito em 2004 e focando principalmente em iniciantes é muito atual e com algumas pequenas alterações explicaria extamente ( na minha opnião ) o que tem acontecido com muitos atletas no Brasil. No texto Márcio diz que a medida em que o iniciante começa a ganhar confiaça e a cada salto vai perdendo o medo da queda livre e dos riscos que estão ligados ao nosso esporte, e começa a curtir mais os saltos, não que isso seja ruim, o problema vem quando ele começa a confundir perícia com fazer coisas perigosas

“Esse é um momento crítico. Nesse estágio o iniciante deve reunir forças
para recuperar a atitude que o medo lhe impunha. Deve lembrar-se que ainda
está engatinhando no esporte. Todas aquelas coisas que ele acha legal mas só
não tentou ainda porque tinha um medo danado são mesmo perigosas; mais que
coragem, demandam experiência que um iniciante não tem.

Essa era a oportunidade que a MPG aguardava. Ela penetra no subconsciente da
vítima, suspirando seu feitiço. O Poderoso Godinnho entra em ação. Ele
confunde perícia com burrice e pensa ser ousado quando está sendo estúpido.
A altitude de comando despenca, o velame encolhe. Cada manobra audaciosa da
qual escapa inteiro aumenta sua equivocada convicção da própria
infalibilidade.”

Bom atualmente em Boituva o que eu vejo é uma série de pessoas as quais eu gosto e tenho admiração fazendo coisas que são arriscadas de mais para ser feita, claro que eles se garantem e se sentem confiantes em fazer aquilo, más a segurança deve estar em primeiro lugar na cabeça de todos os atletas! Márcio ao final de seu texto denomina esse atleta com o “Incrível Godão”:

“Enquanto a tragédia não chega, ele continuará perseguindo o objetivo que
trará alívio para seus problemas de auto-afirmação: transformar-se em um
Incrível Godão. Aí, meus caros, não tem cura não.”

Nesse fim de semana em Boituva enquanto um instrutor desceu no avião com mais duas atletas com relativa experiencia devido a turbulencia e falta de visibilidade da area para a saida, outro se lançou a 10Kft com um aluno AFF nível 6, mesmo ele sendo um profissional extremamente experiente não daveria ter feito isso! pois ele agiu como um “Incrível Godão”,e pode estar criando um novo Poderoso Godinho, sem contar o risco para o aluno. Acredito, ao contrário do Márcio, que mesmo os incríveis godões podem e devem mudar suas atitudes, pois apesar de que em um acidente quem vai sofres as dores das lezões e se for o caso algum tipo de punição é ele, o que esse atleta precisa entender é que como nosso esporte é pouco popular, todos os outros atletas acabam sendo rotulados ou indiretamente punidos por essas atitudes perigosas, isso sem mencionar o lado emocional dos amigos e parentes que sofrerão ao seu lado, más até mesmo aquele que nunca viram ou conversáram com aquele atleta, que ao banalizar o risco do esporte gerou tal tipo de ituação, acabam sendo penalizados.
Como? Bom se começar a ter muito acidente ou muita loucura, é preciso que mais pessoas fiscalizem as áreas de salto, a burocracia e a papelada aumenta, o que torna cada vez mais difícil para cidades onde há uma menor concentração de atletas manterem suas áreas de salto e vai deixar o esporte ainda mais impopular, com mais burocracia e monos atletas o preço de vagas e do equipamentos vai subir, porque o mercado ficará mais restrito, somando os fatos acima ficará cada vêz mais difícil para saltar! o que fará o paraquedismo brasileiro regredir e tenho absoluta certeza que mesmo o mais egoísta dos paraquedistas não quer que isso concretize porque vai ser muito ruim pra ele também!! Portanto pessoal fica um apelo do novato aqui: “Godões, godinhos, futuros godinhos, iniciantes assim como eu, se policiem revejam suas atitudes em relação aos procedimentos de segurança, tomemos cuidado com o excesso de ousadia, pois todos nós temos muito a perder!!”

Obrigado

[1] http://www.pqdbrasil.com.br/
[2] http://www.pqdbrasil.com.br/pqdbrasil/a-maldio-do-poderoso-godinho/

Comments are closed.